Tarte de Figos e Mel

Setembro chegou e, com ele, os dias mais curtos, as noites mais frias, os tons alaranjados da folhagem, as colheitas de maçãs, figos, mel e uvas. Setembro é o mês do novo ano escolar, ano esse que já não rege o meu calendário. No entanto, tal como nos anos em que tal acontecia, sinto que é um mês que convida à introspecção. Talvez por se aproximar a altura de tomar grandes decisões sobre o meu futuro, a minha calma natural é inundada por um turbilhão de ideias e emoções, o mesmo carrossel que me invadia nos inícios dos anos lectivos. Infelizmente parece que a idade e o tempo não trazem consigo certezas absolutas, aliás apenas aumentam a minha dificuldade de decisão ao me mostrarem que o meu caminho para ser feliz pode ser por estradas bem diferentes umas das outras. Isto de tomar decisões sobre a vida é um processo por vezes demasiado egocêntrico para mim: O que quero? O que é melhor para mim? O que é mais importante para mim? Como quero o meu futuro? Enfim… anseio pelo dia em que possa olhar para trás e rir-me da minha capacidade de indecisão e de fragmentar um problema em milhões deles.

“Só quem nunca pensou chegou alguma vez a uma conclusão. Pensar é hesitar. Os homens de acção nunca pensam.” (Fernando Pessoa)

13092015-DSC_0580

Tarte de Figos e Mel

Pâtisserie Magique

Base: 200g bolacha triturada, 80g manteiga derretida

Recheio: 3 gemas, 3 claras em castelo, 50g açúcar em pó, 70g mel, 250g queijo tipo Philadelphia magro, 70g farinha, 1 c. chá canela em pó, 200g figos frescos.

  • Pré-aquecer o forno a 150ºC. Preparar uma forma de 22cm de diâmetro.
  • Preparar a base: Misturar bem os ingredientes até formar uma massa. Pressionar na forma. Levar ao forno durante cerca de 10min, até dourar.
  • Bater as gemas. Juntar progressivamente o açúcar, mel, queijo, farinha e canela.
  • Incorporar as claras em castelo.
  • Dispor os figos cortados em quartos na base e verter o recheio sobre a base.
  • Levar ao forno durante cerca de 60min.
  • Deixar arrefecer, desenformar, glacear com um fio de mel e polvilhar com canela.

Bom apetite!!

13092015-DSC_0565

Tarte de Iogurte, Pêssego e Manga

DSCF4630

Num derradeiro golpe saudosista aos dias idílicos de verão (ou a ideia deles), apresento-vos uma tarte de iogurte estupenda para satisfazer o desejo por doces refrescantes sem grande sentimento de culpa. A aparência é semelhante a um cheesecake, mas a textura é muito mais suave. Para além disso, não tem adição extra de açúcar (para além do natural da fruta e do iogurte), o que faz com que o sabor seja mais leve. Claro que é fundamental ter em conta o doce intrínseco do iogurte (ou a sua ausência) e fazer os ajustes necessários.

DSCF4632

Tarte de Iogurte, Pêssegos e Manga

Base:

Triturar 50 g com 200 g de bolacha maria. Forrar uma tarteira com a mistura e levar ao forno durante 10 min (pré-aquecido a 180ºC). Deixar arrefecer completamente.

Recheio:

15 g folhas de gelatina, 650 g de iogurte (usámos iogurte de maracujá com pedaços de pêssego), 1 c. chá baunilha, 120 g manga aos cubinhos, 100 g pêssego aos cubinhos

Demolhar as folhas de gelatina em água fria durante 10 min. Bater o iogurte com a baunilha. Aquecer algumas colheres de leite, juntar a gelatina bem espremida e mexer até dissolver. Tirar do calor e misturar com o iogurte. Levar ao frigorífico durante 10 min. Juntar a fruta e incorporar bem. Dispôr sobre a base fria e levar ao frigorífico durante cerca de 4h.

Bom apetite!!


DSCF4633

Variação:

Utilizar iogurte natural e adicionar 1-2 c. sopa de doce de mirtilo. Barrar a base com doce de mirtilo e substituir a manga e o pêssego por amoras, framboesas e mirtilos.

Tarte de Chocolate, Nozes e Pêra

O desafio que nos é colocado na Páscoa é o de sermos Felizes, mesmo com todos os altos e baixos que vão surgindo no nosso caminho. E que melhor forma existe de ser feliz do que com aqueles que nos são mais queridos em redor de uma mesa? E se no centro estiver uma tarte com um recheio fofo e agradável de chocolate, um toque húmido de pêras e um crocante de noz, ainda melhor.

DSCF3490

Tarte de Chocolate, Nozes e Pêra

Inspiração: Popina: Iguarias Saudáveis, Isidora Popovic

Base:

265 g farinha, 30 g cacau em pó, 110 g manteiga, 100 g açúcar amarelo, 1 ovo

  • Colocar a farinha, cacau, manteiga e açúcar num robot de cozinha e desfazer em migalhas.
  • Adicionar o ovo e misturar até ficar consistente.
  • Retirar a massa do robot e formar uma bola. Esticar numa superfície enfarinhada, até ter uma espessura de 3-4 mm.
  • Forrar uma tarteira com 27 cm de diâmetro, previamente untada com manteiga e polvilhada com farinha. Reservar no frigorífico.

DSCF3491

Recheio:

55 g manteiga, 100 g açúcar amarelo, 1 ovo, 2 c. chá fermento, 100 g farinha, 100 g chocolate 70%, 100 g chocolate culinária, 200 mL natas, 50 g nozes grosseiramente picadas e tostadas, 1 pêra descascada e fatiada

  • Bater a manteiga com o açúcar até ficar uma mistura homogénea. Adicionar o fermento e o ovo e bater novamente. Incorporar a farinha cuidadosamente e reservar.
  • Colocar o chocolate numa taça. Colocar as natas numa caçarola e levar ao lume até fervilhar. Juntar ao chocolate e bater até obter um creme macio.
  • Envolver as nozes.
  • Envolver cuidadosamente a mistura inicial no creme de chocolate.
  • Deitar o creme sobre a base da tarte.
  • Dispor as fatias de pêra sobre o recheio e polvilhar com algumas nozes.
  • Levar a forno pré-aquecido a 180ºC durante 25-30 min.

Bom apetite!

DSCF3495

Tarte da Abóbora

Agora que as folhas finalmente pintam o chão de laranja, também a nossa cozinha se coloriu de laranja com uma deliciosa tarte de abóbora. As especiarias juntaram-se à festa e encheram a casa de um cheirinho doce e aconchegante, bem adequado para uma tarde calma em casa.

DSCF3107

Tarte de Abóbora

Base: 155g farinha, 2 c. sopa açúcar, 85 g noz moída, 60g manteiga

Colocar os ingredientes numa taça e esfregar a manteiga na farinha até ficar uma mistura esfarelada. Juntar 2-3 c. sopa de água e amassar (caso necessário, ajustar a quantidade de farinha ou água). Formar uma bola, envolver em pelicula aderente e levar ao frigorífico durante 30 min.

Pré-aquecer o forno a 180ºC.

Estender a massa numa forma previamente preparada. Cobrir com papel vegetal e feijões. Assar durante 10 min, retirar o papel e os feijões, assar mais 5 min. Deixar arrefecer completamente.

Recheio: 2 ovos levemente batidos, 100 g açúcar branco, 3 c. sopa mel, 500 g abóbora cozida e esmagada, 80 mL natas, 1 c. chá canela, 1/2 c. cha noz moscada, 1/2 c. chá gengibre em pó, 50 g noz picada.

Bater os ovos com o açúcar e o mel. Juntar a abóbora, as natas e especiarias e misturar bem. Colocar sobre a base e assar durante cerca de 45 min.

Bom Apetite!

DSCF3104

Tarte de Chocolate

(…) Come chocolates, pequena;
Come chocolates!
Olha que não há mais metafísica no mundo senão chocolates. (…)

Tabacaria, Álvaro de Campos

Uma tarte para os verdadeiros amantes de chocolate…

DSCF2923

Base: 2 c. sopa açúcar, 60 g manteiga derretida, 250 g bolachas trituradas (usei bolachas de chocolate e menta)

Pré-aquecer o forno a 180ºC e preparar uma forma de tarte.

Combinar os ingredientes secos. Juntar amanteiga. Colocar na forma e pressionar, fazendo base. Levar ao forno durante 10 min. Deixar arrefecer totalmente.

Recheio de Chocolate: 3 c. sopa de açúcar, 1,5 chávena leite, 200 mL natas, 400 g chocolate escuro (72%), 2 ovos

Levar o leite, natas e açúcar a lume médio, mexer frequentemente. Quando ferver, retirar do calor e adicionar o chocolate. Juntar os ovos, 1 a 1, batendo vigorosamente.

Colocar sobre a base. Levar ao forno durante cerca de 15 min, até o centro estar pouco firme. Deixar arrefecer completamente.

Bom Apetite!

DSCF2925